Conteúdo

terça-feira, 20 de dezembro de 2016

Aos amigos, o Naufrágio

Uma das grandes experiências deste ano foi ter publicado o livro de contos Naufrágio entre Amigos pela Editora Patuá, com o querido e lendário Eduardo Lacerda. Tenho recebido ótimas leituras e continuo interessado em fazer esses contos de náufrago chegarem a mais pessoas em 2017.

Muitas respostas cabem na pergunta por que escrevo, até mesmo resposta alguma, mas só consigo pensar em uma coisa quando me pergunto por que publico: chegar a leitores. Quem publica precisa acreditar que seus escritos têm algo a dizer a alguém.

Dos diálogos interessantes que já aconteceram com esse livro, destaco as resenhas

- "Navegar é preciso; viver não é preciso: um bote salva-vidas no naufrágio entre amigos”, da Adriane Garcia, neste link: http://ow.ly/Y7uS307d2CL
- “Os anti-heróis de Eduardo Sabino”, de Paulo Lima, neste link: http://ow.ly/YJSH307d2L6
- “Contos regulados para ser tantos”, por Sérgio Tavares, aqui: http://ow.ly/qrp9307d38l
- “Livro de contos Naufrágio entre amigos tem narrador como fabulador”, por Fernando Sousa Andrade, aqui: http://ow.ly/17vq307d3bO
Saiu também uma matéria no Globo falando um pouco sobre o livro e sua relação com o concurso Brasil em Prosa, que venci em 2015 com o texto “Sombras”, presente na coletânea:http://ow.ly/QHWo307d3p8

Estou temporariamente sem exemplares, mas, quem quiser conhecer o livro, dar de presente de Natal, ano-novo, inimigo-oculto ou coisa que o valha, é possível comprá-lo no site da Editora Patuá, pelo Pag Seguro, no final desta página:http://ow.ly/KsnT307d4jt